... e deixaram-na entregue aos lavradores da primeira aldeia que toparam. A aldeia demorava às abas do Monte Córdova, serra que se empina e ondeia com as fragosissimas encostas até à vila de Santo Tirso.
In A Bruxa de Monte Córdova, pp 178-Camilo Castelo Branco

13 de julho de 2011

Toupeiras

São uns verdadeiros diabretes, as toupeiras: escavam galerias por onde lhes apetece, quer seja pelo jardim, pela horta e no pomar e, é claro, estragam ou destroem. Que bom seria encontrar a solução...
Já tentamos vários processos sem resultados dignos de realce, cujo rol é digno de ser mencionado, nomeadamente, espalhar cinza nos buracos,  colocar garrafas de plástico cortadas em tiras com o gargalo enterrado no orifício, o repelente "flortis", ratoeiras e até o encharcamento das galerias com água. Também já experimentamos o uso de químicos, nomeadamente o "phostoxin"... sem resultados visíveis.

No pomar é onde se nota e são mais visíveis "as pegadas" das danadinhas toupeiras, tendo já causado o emurchecimento de algumas árvores mais jovens.
O encharcamento das galerias com água, aparentemente,  é um processo  eficaz. A água invade e destrói as galerias, ninhos e as reservas alimentares por lá acumuladas, obrigando-as a abandonar as áreas onde se instalaram, ou mesmo matando parte delas. 
O problema é que, nos pomares, o alagamento deve ser feito em períodos curtos de modo a não matar as árvores por asfixia das raízes. Ora, combater o mal causando outros males... nem sempre é a melhor solução.

Desta vez recorremos à opinião do - mestre de lavoura - Joaquim Abílio, que não adiantou nada sem antes enfiar o dedo indicador em vários pontos de uma galeria. Para quê e porquê... também nada nos disse, mas sempre foi adiantando que: -" o problema  talvez se resolva pondo pontas de mato verde nas entradas."


Bem, assim fizemos e vamos aguardar pelos resultados.

13 comentários:

  1. OLÁ.
    Obrigada pela visita.
    Bem que chatice que tem ai,espero que resolva rápido, senão lá se vai o esforço na horta.
    Aqui nunca dei conta disso,o meu problema mesmo são as ervas grrrr, não dou conta delas.

    beijos e lambidelas da malta
    pituxasilva

    ResponderEliminar
  2. No meu quintal elas fazem grandes montes de terra e desenraízam as plantas, já me morreu o castanheiro, usei as armadilhas mas não apanhei nenhuma, a minha mãe apanhava-as, mas eu nada...
    O meu avô fazia como faz o meu vizinho, deixa-se estar muito quietinho durante um tempo infinito até elas virem fazer o monte, quando este começa a crescer ele vai com a enxada e caça-a.
    Para já espero que ele cace muitas que assim eu fico aliviada, ainda no fim de semana lá estava ele à cóca...
    beijinho eugenia

    ResponderEliminar
  3. Viva António,

    Numas férias em Espanha(Calanda) vi os agricultores espetar um arbusto na terra em varios siteos perguntei para que era e o senhor disse que era para afastar as toupeiras, agora só não sei que planta é essa que afasta as toupeira!

    Cumps

    ResponderEliminar
  4. Não há predadores para elas? Gatos, não? e cobras?
    Eu cá cobras não queria, antes ficava sem as plantas. Havia um bichinho chamado furão que talvez lhes chamasse um figo...

    ResponderEliminar
  5. Não tenho solução para esee problema, até pq acho que elas não vão chatear lá na minha varanda :) Mas muito boa sorte!!!!

    ResponderEliminar
  6. Simples resolver esse problema, se bem que alguém nos pode chamar de Hitler das toupeiras, hehehehe.
    Vai-se a uma drogaria e compra-se acido muriatico a 30% ou mais denso ainda, e tambem uma embalagem de agua oxigenada (peroxido de hidrogénio) a 130%. depois na horta descobre-se uns quantos buracos ou fazem-se os mesmos para se ter acesso ás galerias, mete-se no mesmos uns canudos feitos de cana, ou então bocados de tubo de plastico e mete-se estes no chao de maneira a que o interior das galerias fique acessivel de maneira pratica. pega-se num garrafao de 5 litros de água, vazio obviamente e na tampa deste faz-se dois boracos onde se metem dois bocados de mangueira ou tublo flexivel demaneira que fiquem justos para nao deixar escapar a mistura (gas) estes bocados terão o compriemnto que achar-mos necessário. no garrafao poe-se meio litro de ácido muriatico e depois junta-se lhe meio decelitro de agua oxigenada, tapa-se o gaffao com a rolha contendo os dois tubos e agita-se o garrafao suavemente para misturar o conteudo. quando se deita a agua oxigenada no garrafao convem já estar perto de um buraco de acesso á galeria, porque assim que se faz a mistura começa a produção de gas. os gazes da mistura nao sao toxicos para nós, mas mesmo assim nao sao flor que se cheire, porque são extremamente irritantes para os olhos ou principalmente vias respiratórias, por isso é preciso ter algum cuidado, mas nao pensar que se está a lidar com gas de mostarda, por exemplo, lol! um dos tubos, poe-se dentro do bocado de tubo ou canudo que metemos no chão que são os acessos á galeria, o outro, é para depois soprar-mos atraves dele, para que o ar que entre saia pelo outro para dentro da galeria e leve com ele o gas resultante da mistura, nao ter medo de soprar no trombone, porque nao faz mal nenhum, obviamente nao se deve aspirar, é preciso ter cuidado com isso, antes de soprar é preciso inspirar sem o tubo na boca, cuidado porque se cometem esse deslize vao ficar a tossir uma carrada de tempo, eu fiz de outra maneira, usei um compressor e em vez de soprar eu mesmo pus o compressor a fazer esse trabalho por mim, mas soprar é muito simples e se tivermos em atençao a sincronia do inspirar sem o tubo, é bastante mais pratico prque a maioria nao deve ter um compressor na horta. Bem... depois é um espectaculo! Se já viram uma largada de touros em que um vai para cada lado, vao poder dizer que viram uma largada de toupeiras, loool! é que o gas da mistura é tao irritante para elas como para nos e o diabo dos bichos parece que ganham asas! fiz isso na minha horta e eu que pensava ter lá uma, eram 3! o bichos ficam mesmo loucos e desaparecem como se tivesem visto o diabo! nao interessa se é dia ou noite, se o gas chegar ao sitio ou galeria onde estão, é questao de segundos enquanto eles se pisgam para a rua.
    Pronto, parece guerra quimica, e è, mas é a melhor das maneiras, nao as mata, nao polui o terreno, e elas nao ficam com muita vontade de lá voltar. a minha horta era pequena, claro que em coisas de grande dimensão talvez este sistema seja mais complicado e exija mais artefactos gaseadores para poder cobrir mais espaço de galerias, mas podem ficar certinhos que resulta.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá
      Obrigado pela visita. Não duvido que possa resultar,mas... que consequências trás para a terra e para as culturas?

      Cumprimentos
      António A.

      Eliminar
  7. eu estou desesperado devo ter uma duzia delas no jardim e na horta, tenho 4 aparelho de ultra som, armadilhas bombas de gas e nada, acho que vou tentar o que diz o anonimo, acido muriatico, nao conheço este acido mas ja estou por tudo.

    ResponderEliminar
  8. Tenho um pequeno quintal onde as toupeiras são praga difícil de controlar!...
    Já tentei, sem sucesso, várias (não)soluções!...
    Finalmente descobri e passei a carinhar, a única que produz realmente resultado;
    Acabei por descobrir, por mero acaso que,dois ou três gatos da vizinhança, vejam bem que nem são meus pois eu não resido aqui, é que aplicam os seus instintos caçadores e me limpam todo o terreno destes roedores e de outros bichos!... Já os vi em acção de espera e caça à saída das tocas.
    Descobri ainda, de igual modo, que se deve aos gatos do vizinho a limpeza de um ou outro ratito que aparecia em casa!...
    Passei a acarinhar a presença destes bichanos, sempre que lá vou, deixando-lhes espalhados pelo terreno algumas sobras do almoço!...

    ResponderEliminar
  9. Também tenho um (?) desses bichinhos de estimação, já pensei comprar uma caçadeira, mas acho que vou tentar primeiro o acido.

    ResponderEliminar
  10. eu tenho um kintal onde tenho arvores e animais como coelhos e gansos e porcos da india apareceu uma praga de toupeiras ..como diz o falcao ke esta penssando numa caçadeira ja fiz esperas varias veses e kuando elas sobem au monte de terra ke fasem saiem para respirar por 3 veses ke ja falhei sao rapidissimimas e descer sem ke lhe acerte sao bm mais rapidas ke ratazanas esses ja matei alguns a tiro..

    ResponderEliminar
  11. Também tenho essa praga. De momento estou a inserir ramos secos de silva e roseiras nos buracos assim como bolas de naftalina. Só espero que resulte

    ResponderEliminar